Publicado: 11/05/2018 ás 11:24:00
Autor: Ascom/Marcello Paulino
Foto por: Ascom/Marcello Paulino

A proposta foi apresentada pelo ministro da Casa Civil, Carlos Marum, durante reunião, realizada na última terça-feira (08), com lideranças de Mato Grosso, em especial da região médio-norte do estado.

A audiência pública ainda não tem data marcada. O objetivo do encontro é envolver as lideranças dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, para debater a questão da concessão da BR 163.

Segundo o presidente da Câmara, vereador Jiloir Pelicioli (Mano – PDT), a preocupação dos municípios é que com o término da concessão da BR 163, destinada a Rota Oeste, a rodovia fique abandonada.

A proposta dos municípios é a readequação do contrato com a concessionária, ampliando os prazos para que as obras de duplicação da via sejam executadas.

“Viemos a Brasília com a intenção de contribuir com o governo. Precisamos de uma solução rápida. A nossa população não pode pagar com a vida por uma rodovia sem infraestrutura”, ressaltou o presidente.

Antes da reunião com o ministro, os representantes dos municípios entregaram um manifesto aos deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária. O objetivo foi obter o apoio da bancada do agronegócio.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Nova Mutum, Emerson Zancanaro, 10% de toda a produção de grãos do país é produzida na região médio-norte de Mato Grosso.

“A BR 163 é o principal corredor de escoamento da safra de grãos. Nós não podemos ficar sem a BR. Se hoje sair a Rota do Oeste, em dois meses nós não teremos mais rodovia. Ruim com ela, pior sem ela.”

Participaram também da reunião, o deputado federal Adilton Sachetti, o suplente de deputado federal Xuxu Dalmolin, o prefeito de Lucas do Rio Verde, Luiz Binotti e o vice-prefeito Silvio Fávero, o prefeito de Itanhangá, Edu Pascoski, de Tapurah, Iraldo Ebertz e vereadores dos municípios da região.


Veja as Fotos

  • Palavras-chave:
  • BR 163
  • Audiência Pública
  • Brasília

  • Copyright © 2018 - Camara Municipal de Lucas do Rio Verde - Todos os direitos reservados.